Eleições 2018 – 2° turno – Explica mas não justifica

Fui “bolsominion” convicto no 1° turno, assumo minha parcela de culpa, mas sempre me perguntei (senso crítico) se naquela figura, destemperada e impulsiva, predominavam valores arraigados na caserna ou sorvidos do covil político. Devo admitir que os vieses pátria, família e cristão me agradam, caso concretos.