O que você acha?

O que você acha?

Um prezado amigo perguntou-me: o que você acha da Nota de Repúdio do MD e das Forças Armadas às declarações do Senador Omar Aziz durante a CPI? Breve adendo, tive a honra de servir com um Oficial-General que recomendava não se expressar utilizando o termo “acho” por denotar “puro chute”. Ele sugeria, melhor dizer: penso,…

Leia Mais

Meu malvado favorito

Minions da polarização

Olha… a coisa tá tão feia que temos que levar meio que na brincadeira. A ideia desse desenhinho animado é mostrar que mesmo os seres mais abomináveis possuem, lá nas profundezas, uma réstia de bom coração. Eu até gostaria de ter esta esperança, mas tem gente que já nasceu “cobra” (tem sangue frio nas veias)…

Leia Mais

Desordem e Retrocesso

Desordem e Retrocesso

Juro que estou me esforçando para tomar uma postura mais otimista, crer na boa fé das pessoas. Em todas as situações, mesmo as desconcertantes, procuro contornar e acreditar que melhores momentos virão. Criar atrito é pura perda de energia; confrontar, então, é imbecilidade. Aproveitando o charme do adjetivo, vou largar uma frase que achei: “imbecilidade…

Leia Mais

Tolerância Zero

Tolerância Zero

Entrei numa fase de seletividade. É complicado, em razão do risco de errar na mão; porém as “ervas daninhas” consomem um tempo precioso sem retornar benefícios e, ainda, desviam do que verdadeiramente importa. Por isto, reservei um tempinho pro cri-cri para extirpá-las . Nesta balança do que vale a pena ou não, julgava sábio o…

Leia Mais

De que lado você está?

Efeito manada

É interessante, parece que atualmente temos, quase que por obrigação, fazer parte de uma manada estúpida, senso comum irracional, para fazer alguma diferença. Nos meus tempos áureos (juventude), a ordem era encarneirar, um atrás do outro, e seguir a comando, sem questionamento, rumo ao próximo objetivo imediato. E, na posição de instruendo, ia tudo muito…

Leia Mais

Pandemia e Bolsonaro

Pandemia e Bolsonaro

As duas coisas se misturaram e ambas se mostram entranhadas. O que me impressiona não é a teimosia estúpida, a cegueira do poder ou as bravatas do “cafetão” político (oportunista, desumano e cafajeste que usa e descarta as pessoas), mas a absurda devoção das suas “prostitutas” cibernéticas e incondicionais. Por favor, não vista a carapuça,…

Leia Mais

Só depende de você!

Em suas mãos ...

Algumas atitudes podem ser explicáveis, apesar de não significar que sejam justificáveis. Por isso, não me olhe enviesado por largar, logo de partida, uma frase de efeito para o leitor(a) estufar o peito: “Aquele que não corre riscos jamais saberá o que é coragem.” A questão é que alguns segmentos profissionais têm, em si, tão…

Leia Mais

Não compre gato por lebre

Não se deixe enganar ... olhe bem!

O título deste artigo seria truque de marketing, mas achei tão meiga a figura que declinei do plano original. Tenho uma gatinha que é uma gracinha e “abobado” do jeito que sou, digo até que ela fala. De fato, pra mim ela fala! Naturalmente, devo deduzir que minha opinião sofre anomalia; ou seja, é totalmente desprovida das…

Leia Mais

Sessão “picoca”

Esses superministros são fantásticos ...

O filho da minha vizinha tem quatro anos e quando chega aqui em casa, pede-me: “ô vizinho, coloca os três porquinhos para mim (eu) ver”. E o figurinha, adora quando tem “picoca”. Dia desses, também me atirei no sofá e segui a pedida do vizinho, só mudei um pouquinho a programação. Assisti ao “quarteto fantástico“,…

Leia Mais

Charges “clácidas”

Nem Sancho Pança aguentaria...

Nesta escrita, vou pegar bem de leve e deixar as palavras, simplesmente, fluírem. Sejam bentas ou putrefatas, uma coisa é certa, tal como o tempo, as palavras escorrem por nossas mãos e ninguém mais segura. De infindáveis mãos, passam por nossas vistas as charges das redes sociais. São ““todas”” (todas é forte) maravilhosas no quesito…

Leia Mais